Dormir faz muito bem!

20/março/2012

Ter dificuldades para dormir e acordar no meio da noite devido a barulhos e outras distrações está se tornando cada vez mais comum. Os efeitos da falta de descanso adequado são outras noites mal dormidas, num círculo vicioso que prejudica a saúde.

Uma empresa inglesa de remédio para dormir pesquisou os hábitos de 3 mil pessoas e descobriu que em média as pessoas acordam duas vezes durante a noite devido a movimentos do parceiro, ronco, barulhos e também devido aos bichos de estimação que têm autorização para subir nas camas. Outro dado revelado é que o tempo para pegar no sono é de 46 minutos, período informado por 40% dos entrevistados.

Para o doutor Shigueo Yonekura, do Instituto de Medicina e Sono de Piracicaba, o sono é fundamental para se ter saúde e qualidade de vida. “É durante o sono que o corpo se regenera, fazendo a síntese de proteínas e, por isso, o cansaço acumulado ao longo do dia desaparece. É durante o sono que repomos muitos de nossos hormônios e, se dormimos mal, deixamos de produzi-los de maneira natural. Dormir bem ajuda na memória e na concentração. A pessoa que dorme mal geralmente apresenta irritabilidade”, afirma.

Uma afirmação muito difundida popularmente, de que para reparar uma noite maldormida é bom praticar exercícios, é vista pelos especialistas com algumas ressalvas. “Todo e qualquer tipo de atividade física deve ser feito durante o dia. Mas é preciso lembrar que, à noite, deve ser feito até três horas antes de dormir”, afirma Shigueo.

A pesquisa indica que há também um horário mais comum para acordar no meio da noite e perder o sono pensando que logo é preciso levantar para ir trabalhar: às 3h44 da madrugada. Preocupações com o trabalho e dinheiro são os temas mais comuns a ocupar as mentes dos insones e 16% culpam a cafeína e refeições pesadas à noite como as causas das noites conturbadas.

“A pesquisa mostra que o sono é uma das primeiras funções do corpo atingidas pelo estilo de vida agitado, excesso de trabalho e tem impacto sobre os níveis de energia e a disposição demonstrada durante o dia”, disse Jen Tan, diretora da empresa.

Metade dos entrevistados sente-se cansada o dia todo e 20% se pegam cochilando em algum momento do dia. A repetição dos problemas à noite leva a um círculo vicioso que traz prejuízos à saúde. Isso porque o cansaço gerado pela falta de descanso não faz com que o corpo ceda a boas noites de sono. Acontece exatamente o contrário.

A diretora explica que as pessoas esperam compensar o dia tumultuado se jogando na cama para uma bela noite de sono, mas sem dar tempo para o corpo relaxar e se desligar da agitação. Um período de calma antes do sono é importante para a glândula adrenal – responsável pelo hormônio adrenalina – trabalhar menos. Também não colaboram para o descanso ir para a cama muito tarde e ficar assistindo à TV ou navegando na internet como formas de relaxamento. Esses hábitos são comuns a 60% e 20% dos pesquisados, respectivamente.

Algumas coisas simples podem ajudar muito na hora de dormir. Quando chega a hora de dormir, a ordem é relaxar. Praticar exercícios físicos ajuda a amenizar a insônia, mas existem restrições ao estilo e ao horário do treino. Exercícios físicos devem ocorrer pelo menos três horas antes do horário de ir dormir e o ideal é que não sejam competitivos.

A leitura pode ajudar a dormir, mas a recomendação é para livros menos complexos e interessantes. Prefira ler coisas que não chamem sua atenção ao ponto de despertar sua curiosidade, senão o efeito será contrário.

Ouvir música antes de dormir pode ajudar o sono, porém devem-se evitar músicas muito agitadas. Outras recomendações são não exagerar em café, chá e refrigerante. Não levar problemas para a cama. Não fazer uso de álcool próximo ao horário de dormir.

Fonte:Terra

Compartilhe

Cadastre-se para receber nossa programação

Nome:
E-mail:

Fale Conosco

Se quer tirar dúvidas, compartilhar algo, dar uma sugestão ou fazer um elogio, enfim, estamos à postos por aqui. Você pode nos enviar um email para contato@institutoyantra.com.br ou se preferir, preencher o formulario aqui embaixo.

Acesse a área do aluno:

Rua José dos Reis, 708
Vila Prudente – São Paulo
Fone: (11) 2548-4858
WhatsApp: (11) 94035-9771
contato@institutoyantra.com.br
Horário de Atendimento: de 12h às 19h


Busca